Páginas

14 dezembro 2016

Polícia Federal deflagra operação que apura irregularidades na educação do Estado

A Polícia Federal deflagrou, na manhã desta quarta-feira (14), a Operação Fonte Extrema, que visa apurar possíveis irregularidades na aplicação de recursos federais do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação – FUNDEB numa Secretaria de Estado do Rio Grane do Norte.

As investigações consistem no valor de um contrato que poderia ter tido sobrepreço além de uma dispensa indevida de processo licitatório. Ao todo, 23 policiais federais estão cumprindo cinco mandados de busca e apreensão em sedes de empresas e também em endereços residenciais dos empresários responsáveis por cada uma delas.

De acordo com as informações iniciais divulgadas pelo Blog do BG, o advogado da JMT Serviços (uma das envolvidas na operação), Hugo Holanda, afirmou que a referida empresa prestou serviços no Estado em 2012. A denúncia de irregularidades partiu de um servidor estatal e a presença da Polícia Federal na sede da JMT foi confirmada pelo advogado.

Ainda segundo Hugo Holanda, o Tribunal de Contas já fiscalizou o mesmo contrato que está sendo alvo nesta operação, apesar de que a única irregularidade encontrada pela Polícia foi um pagamento a maior no valor de R$ 8 mil. Ainda não se sabe quais são as outras empresas que estão sendo alvo da Operação nesta manhã.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...