Páginas

07 novembro 2018

Líder ruralista, Tereza Cristina será ministra da Agricultura

Deputada federal e presidente da Frente Parlamentar da Agricultura (FPA), Tereza Cristina (DEM-MS) será a nova ministra da Agricultura. O nome foi confirmado, nesta quarta-feira (7/11), após reunião de representantes da entidade com o presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL). A informação foi anunciada pelo vice-presidente da FPA, deputado Alceu Moreira (MDB-RS), e confirmada por Bolsonaro no Twitter.

Tereza Cristina é, assim, a primeira mulher anunciada para o primeiro escalão do futuro governo. É o segundo nome do DEM confirmado na gestão de Bolsonaro. O primeiro é o de Onyx Lorenzoni, anunciado ministro da Casa Civil. A reunião ocorreu na sede do gabinete de transição, no Centro Cultural Banco do Brasil. Cerca de uma dezena de deputados foram ao encontro do futuro presidente. Entre os participantes da reunião, estava o deputado Osmar Serraglio (MDB-PR), ex-ministro da Justiça do governo do presidente Michel Temer.

A bancada ruralista é uma das maiores e mais influentes no meio parlamentar. Na atual legislatura, tem cerca de 200 deputados e um terço do Senado Federal. O Ministério da Agricultura chegou a ser uma das pastas que Bolsonaro planejava alterações. O presidente eleito cogitou fundir a pasta com a do Meio Ambiente. Após críticas à proposta, inclusive de representantes do agronegócio, Bolsonaro recuou e manteve os órgãos separados.

Pela manhã, após almoço no Superior Tribunal de Justiça (STJ), Bolsonaro informou a extinção do Ministério do Trabalho. Segundo o próximo presidente, a ideia é juntar as atribuições da pasta com outro órgão.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...