Páginas

30 setembro 2020

Idiarn iniciará bloqueio do trânsito animal para inadimplentes com vacina da brucelose

A partir do dia 13 de outubro, uma terça-feira, os produtores que não vacinaram e declararam os rebanhos contra brucelose, não poderão mais emitir a Guia de Trânsito Animal (GTA). Além disso, os produtores de leite nessas condições não poderão fornecer aos laticínios do estado. O Instituto de Defesa e Inspeção Agropecuária do RN (Idiarn) reforça a obrigatoriedade de vacinar e declarar as fêmeas bovinas e bubalinas, de três a oito meses de idade.

A única forma de prevenção se dá pela aplicação da vacina B19, esclarece informação da assessoria de imprensa do órgão. Após a vacinação, o produtor deverá se encaminhar até um escritório do Idiarn, Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural do RN (Emater/RN) ou Secretaria Municipal de Agricultura mais próxima para realizar a declaração dos rebanhos.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...