Páginas

03 fevereiro 2017

Desemprego bate recorde no RN em 2016, aponta estudo do Sebrae

O índice de desemprego no Rio Grande do Norte em 2016 cresceu 29,8% em relação ao ano anterior e foi o maior dos últimos dez anos. O estado fechou o ano de 2016 com um total de 15.806 vagas perdidas do estoque de empregos com carteira assinada e somente na capital, 9.642 pessoas perderam o emprego. É o que afirma uma pesquisa divulgada na Análise da Evolução do Mercado de Trabalho Formal, estudo elaborado pela Unidade de Gestão Estratégica do Sebrae no Rio Grande do Norte.

O maior número de demissões foi registrado no setor industrial potiguar, com 9.097 vagas encerradas. Sozinha, a construção civil demitiu 6.602 empregados. O comércio fechou 3.778 postos de trabalho e o setor de serviços outros 3.197. Já o setor agropecuário foi um dos poucos no estado que encerrou o ano com saldo positivo no número de emprego, com 717 vagas geradas.

O também revela que o setor da microempresa começa a apresentar declínio.De acordo com o estudo, em 2016 essa faixa está muito próxima de zero, com tendência de baixa, situação semelhante ocorre com a pequena empresa. Médias e grandes, embora ainda mantendo números negativos, mudaram a trajetória de declínio de suas curvas, segundo a análise.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...