Páginas

20 novembro 2016

Seis cuidados que você deve ter para aproveitar a Black Friday

Data cada vez mais importante para o varejo brasileiro, a Black Friday de 2016 acontecerá no dia 25 de novembro e funcionará como um termômetro para saber como a economia está se recuperando, assim como o poder de compra dos brasileiros.

Uma pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) mostra que, este ano, 69,0% dos consumidores pretendem comprar nesse dia e 28,1% têm a intenção de fazer compras dependendo dos preços e descontos ofertados.  Em relação a 2015, 45,0% dos que compraram algo no ano passado pretendem comprar mais produtos na Black Friday deste ano e 42,0% pretendem gastar mais, sendo que o principal fator que motiva esses entrevistados é o baixo preço dos produtos. Várias lojas estão se mobilizando e oferecendo descontos na tentativa de atrair o consumidor. No entanto, para aproveitar a oferta com segurança, os clientes devem ficar atentos e tomar alguns cuidados. O Nominuto.compreparou uma lista de seis cuidados que você deve tomar na hora das compras. Confira!

Monitore os preços
Para saber se realmente você estará conseguindo um bom desconto na compra, alguns especialistas recomendam que se faça um monitoramento dos preços com antecedência. Há sites comparadores de preços que têm um histórico dos valores.

Desconfie de grandes descontos à vista
Essa ideia de que há uma grande margem de desconto à vista, em especial com porcentagens baixas, só quer dizer que o consumidor não está pagando o parcelamento da compra (que gira em torno de 10% do preço) valor esse que vai para as operadoras de cartão de crédito, e não para as lojas. Ou seja, geralmente as empresas transformam o dinheiro que seria repassado ao cartão em desconto. E, é exatamente por isso que o consumidor deve desconfiar de grandes ofertas à vista.

Fique atento a descrição do produto
Antes de gastar seu dinheiro e comprar aquela mercadoria que você tanto quer, observe atentamente a descrição do produto e faça uma comparação com produtos semelhantes de outras marcas.

Produtos com defeito
Em caso de produtos com defeito, o Código de Defesa do Consumidor estabelece o prazo de 30 dias para reclamações sobre problemas aparentes ou de fácil constatação no caso de mercadorias não duráveis e de 90 dias para itens duráveis, contados a partir da constatação.

Trocas
Nas compras feitas fora do estabelecimento comercial há o prazo de sete dias para o consumidor destituir da compra, mesmo sem nenhum motivo aparente para isso, contando a partir da aquisição do produto ou de seu recebimento.

Denuncie e evite a propagação da fraude
Caso você encontre algum estabelecimento oferecendo promoção com preços iguais aos praticados dias antes da Black Friday, ou alteração de preço no momento final da compra via internet, denuncie nas redes sociais e envie o print da página com o problema ao Procon.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...